Olhar empático: executivo do mercado cripto investe pesado em incentivo ao esporte no país

Clélio Cabral é gerente da gestora de criptoativos Braiscompany e segue os passos do CEO da empresa, Antonio Neto Ais que também é destaque no incentivo ao desporto no Brasil.

Não restam dúvidas da importância do esporte na vida das pessoas, especialmente quando ele é usado como meio de transformação social. E é justamente esse lado que chama a atenção de executivos, empresários e empresas que estão cada vez mais apoiando atletas, competições e projetos sociais voltados ao incentivo e prática de esportes.

Um desses exemplos é o executivo do mercado cripto Clélio Cabral, que atua na Brascompany, empresa especializada em gestão de criptoativos e a maior referência do segmento na América Latina. Clélio sempre apoiou projetos sociais e viu no incentivo ao esporte uma forma de impactar pessoas.

 

“O esporte é subvalorizado no Brasil, temos atletas e competições incríveis, mas que não vão mais longe por falta de patrocínio. Tenho olhado com atenção para essa realidade e buscado fazer a minha parte, contribuir com o incentivo ao esporte e para levar equipes e atletas brasileiros para competições nacionais e internacionais. Além de claro, apoiar projetos sociais que ajudam a formar atletas. Parece simples, mas o impacto desse apoio na vida das pessoas é enorme”, explicou.

Entre as parcerias firmadas pelo executivo está a competição Internacional Dubai Cup, que aconteceu no mês de setembro em Dubai e reuniu times de vários países. Clélio foi um dos patrocinadores que possibilitou a ida da equipe que representou o Brasil na competição.

Outra competição semelhante também será patrocinada por ele em 2023, a Map Cup, que acontecerá na Grécia e reunirá times de futebol de diversos países. Ele também apoia financeiramente arenas de beach tênis, equipes de vôlei e um piloto de automobilismo.

O interesse por apoiar o esporte, no entanto, não surgiu do nada. O gerente financeiro tem como inspiração o CEO da Braiscompany, Antonio Neto Ais, que tem uma longa trajetória no incentivo ao esporte, patrocinando, através da gestora de criptoativos e do projeto social Ser Mais, diversas competições, atletas e projetos ligados ao esporte no Brasil e no mundo.

“Eu comecei a olhar mais para esse segmento por ver o empenho do Antonio Neto em apoiar tudo que é ligado ao esporte. Ele me mostrou a importância que patrocinar equipes, atletas e competições tem e eu abracei isso como uma missão. Se eu posso ajudar, por que não fazer?”, concluiu.

Ultimas notícias