Piovani manda recado e alfineta Boninho e Globo: “Não preciso deles”

Sincera como sempre foi, a atriz Luana Piovani falou sobre o embate que teve com o diretor Boninho, durante a exibição do Big Brother Brasil 22, por não ter permitido a imagem de seus filhos aparecer, mesmo com o pai das crianças, Pedro Scooby, ainda confinado.

Em uma entrevista à revista Veja, a apresentadora comentou o assunto e mandou um ‘shade’ daqueles não apenas para o diretor, mas também para a Globo. Questionada se teve medo de sofrer represália da emissora por conta do ‘poder’ de Boninho, ela garantiu que não.

“Imagina. Poder tenho eu, que não preciso nem dele, nem da Globo. Já precisei, não mais. Quanto à postura do Boninho, só falo do que sei. Ele é um fazedor de dinheiro, responsável pelo maior faturamento da casa. Suponho que seja tratado como rei na Globo”, disse ela.

A artista disse ainda que sofreu muito pressão por parte dos telespectadores do programa, mas que decidiu não ceder: “Rolou uma pressãozinha, sobretudo do pessoal que fica na internet cuidando da vida dos outros. A minha reivindicação era justa”, disparou.

Ela então garantiu que fez isso pensando no melhor para os filhos, DomBem e Liz“Sempre tomei o cuidado de minimizar o exagero no uso da minha imagem, imagina se não teria com meus filhos. Tentei um acordo, ceder para tal prova, mas queriam para a edição toda. E esse BBB é tipo Jason, não acaba. Parece Sexta-Feira 13, versão 49”.

Ultimas notícias